União Esporte Clube perde para o Atlético Goiano e está fora da próxima fase da Copa do Brasil

O União Esporte Clube perde para o Atlético Goiano pelo placar de 1X0 no estádio Lutero Lopes em Rondonópolis e cai na primeira fase.

Apesar de uma festa bonita de milhares de torcedor colorado, o União não conseguiu vencer a defesa do time de Goiás, e assim saiu derrotada, deixando assim de forma precoce a Copa do Brasil na noite de quinta feira (06-02).

Com a vitória e a classificação o Dragão  vai pegar o Santa Cruz de Recife em partida única no estádio Olímpico em Goiânia.

Para o União Esporte Clube resta agora focar no campeonato estadual e seguir rumo ao titulo estadual deste ano já que o vermelhinho vem buscando liderando a competição.

AAAAAAAA22222222

O Jogo

O time goiano começou o jogo pra cima do União, entre os dois lado do campo, dando alguns chutes mas aos 19 minutos atlético levou um perigo real ao união em cobrança de  escanteio quase marca, más o goleiro Neneca faz  boa defesa.

Aos 24 minutos Ferrarez em lançe pela direita leva grande perigo, onde obrigou o goleiro do colorado sair no abafa e fazer a defesa.

Aos 35 Neneca evita gol do jogador Renato Kaizer  que saiu sozinho em boas condições de fazer o gol.

Aos poucos o União Esporte Clube foi ganhando espaço e apertou o time Atléticano.  Já nos acréscimo, aos 47,  em um belo passe de calcanhar de Léo Coca para Jean Carlos ele deu um belo chute quase abriu o placar para o colorado, levando a torcida a gritar UUUU.

Na etapa final o time do Atlético abre o placar aos 4 minutos com Matheuzinho a favor do Dragão.

Logo em seguida o União responde com um contra taque obrigando o goleiro do Atlético fazer uma grande defesa.

No decorrer do jogo na etapa final após o gol, o time Atleticano só administrou o jogo. Já o time colorado não mostrou grande força ofensiva e não conseguiu reagir para reverter o placar até o final da partida, saindo então do estádio Lutero Lopes o Rubro Negro Atleticano classificado para a segunda fase da Copa do Brasil.

CURIOSIDADE

Após o inicio do jogo aos 24 segundo o árbitro de jogo parou o jogo para que fosse marcado a área em um lado dos gol, que não estava marcado. Uma vergonha para administração do estádio, criticado pela imprensa esportiva de Goiás.

Por Pedro Aguiar / Foto Eliezio Nascimento

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *