URAMB entrega quase 30 mil Kg de alimento na Campanha Natal sem Fome de 2019

Encerrada a campanha de Natal da URAMB, na quinta feira (19-12) com entrega de cerca de 1.500 cestas básicas as famílias carentes de Rondonópolis.

Com o apoio de diversos parceiros e lideranças comunitárias e de igrejas, a campanha de arrecadação de alimentos da URAMB (União rondonopolitana de associação de moradores de bairro) foi encerrada nesta ultima quinta feira, e mais de mil famílias vão ser beneficiadas.

AAAAAA222222

Essa campanha que começou há vários anos atrás com o Padre Lothar, hoje é feita pela URAMB e conta com muitos voluntários e parceiros. “Não é fácil organizarmos uma campanha grandiosa assim. É preciso muito amor e dedicação aos mais necessitados, e isso Padre Lothar sempre nos ensinou, por isso não podemos nos desanimar e deixar de realizar essa campanha de natal que ajuda alimentar milhares de pessoas, queremos contar com os parceiros e fazer a campanha ainda maior e beneficiar mais famílias ainda no próximo ano”. Afirma Nilza Sirqueira em sua fala.

Parcerias da Campanha

AAAA4444

Além dos parceiros tradicionais que vem ajudando todos os anos, esse ano a campanha de Natal teve uma grande parceria do Instituto Cometa que faz parte da concessionaria de Veículos Hyundai no Mato Grosso. A Instituição Cometa repassou vários cupons onde concorriam a um carro, moto e outros seis prêmios, onde a URAMB e outras entidades de varias cidades de MT, puderam trocar por alimentos para as campanhas de natal.

Todos os alimentos arrecadados na campanha de natal da URAMB foram repassados para os presidentes de bairros e lideres de comunidades católicas que ajudaram na realização da campanha. Com o cadastro das pessoas feito pelos lideres comunitário, esses alimentos vão chegar na mesa de 1.500 famílias carentes em diversos bairros de Rondonópolis

Ausência do estado na campanha

Mais um ano o governo do estado de Mato Grosso não apoia a campanha de natal da URAMB e não manda nem uma cesta básica para as famílias carentes de Rondonópolis, após os governos Blairo Maggi e Silval Barbosa, o município nunca mais recebeu uma cesta do estado. Passado os 4 anos de Pedro Taques e um ano de Mauro Mendes o município continua esquecido, ficando só Cuiabá, a baixada Cuiabana e Várzea Grande sendo assistida pela secretaria estadual de assistência social. Isso da sinal de concentração de demandas somente para a capital e falta de gestão e planejamento do secretário(a) e secretário adjunto da pasta.

Por Pedro Aguiar/ Fotos Pedro Henrique Aguiar

AAAAA5555AAAA666666AAAAA33333DSC_0438

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *